domingo, 15 de junho de 2014

Transição capilar: minha longa experiência

Oi gente linda! Tudo bem com vocês?
Bem, quem lê meus posts sobre cabelos provavelmente já sabe que estou em transição capilar. Mas, nos últimos dias, notei que nunca expliquei direitinho como o meu cabelo está reagindo nesse longo processo. Então, hoje vou explicar tudinho pra vocês!


A transição capilar é o processo de tirar toda a química do cabelo. Quem faz (ou já fez) química sabe que uma vez aplicada nos fios, a estrutura dos fios muda completamente (para mais lisa) e o efeito não acaba até o seu cabelo crescer e você cortar toda a parte com química. Então, muitas meninas já enfrentaram e outras tantas estão enfrentando tirar toda a química pra ter um cabelo natural de novo.

Porém, o grande problema da transição é se acostumar a ter o cabelo com duas texturas diferentes. A parte com química está lisa, okay, mas a raiz que for crescendo sempre será cacheada. Meu cabelo, por exemplo, não é naturalmente cacheado, nunca foi, mas por causa das benditas químicas que fiz, hoje a raiz cresce cacheada. E isso, meninas, é um super problema! Só quem já passou por transição sabe como é difícil.

Então tá, vamos ao meu cabelo. Quando minha raiz estava começando a aparecer (mais ou menos um palmo) eu passei a fazer chapinha a cada lavagem - isso era ótimo e disfarçava muito a minha transição. Mas, com uns 6 meses nessa vida de chapinha, eu percebi que meu cabelo estava quebrando demais, com muito frizz também e isso me deixou, um tanto, desesperada! Foi quando decidi passar um tempo usando meu cabelo naturalmente e disse adeus à chapinha (como expliquei aqui).

Bem, na última medição do #ProjetoRapunzel, minha raiz estava em 30 cm. Isso significa que metade do cabelo já está natural e a outra metade com química. Claro, não sei dizer se é exatamente a metade - pra mim, minha raiz está enorme. Mas a questão é que, em quase 1 ano e 6 meses sem fazer nada de química no cabelo, eu sinto como isso está compensando pra mim. 

Não dá pra explicar, mas o cabelo natural é realmente mais bonito, mais vivo! E eu não vejo a hora de ter minhas pontas cheias de volta! Por isso, estou pensando seriamente em cortar toda a química ao final do ano. Confesso que não gosto da ideia de cortar meu cabelo curto, sabe, da última vez que cortei meu cabelo acima da cintura ele demorou, pelo menos, uns 2 anos pra ficar do tamanho que eu queria. Mas né, é cortar ou conviver com as pontas finas... Bom, pelo menos, até ao final do ano dá tempo de o cabelo crescer mais, não é?

Então é isso, menininhas! =]
Obrigada por me ouvirem outra vez! E não me deixem desanimar, okay? Hahaha!
Beijo, boa semana e fiquem com Deus! <3

12 comentários:

  1. Oi Glenda!! Já passei por isso, mas confesso que no meio do caminho perdi a paciência...mas siga em frente, pois acredito que vale muito a pena...eu que sou ansiosa demais e quando me dá os cinco minutos, e acabo correndo pro salão...rs...Beijos e boa sorte!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Andrea!
      Que pena que desistiu! Eu estou conseguindo justamente por minha paciência, porque inúmeras vezes tive vontade de correr pro salão! =]

      Excluir
  2. Realmente o seu desejo de voltar a ter o cabelo natural deve ser enorme, para já estar no processo de transição capilar há um ano e meio. Não sei se teria paciência para esperar a raiz crescer tanto. Acho que quando ela estivesse apenas um pouco acima dos ombros já cortaria a parte com química do cabelo e que fosse o que Deus quisesse Rs enfim boa sorte com essa sua meta!

    Thoughts-little-princess.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, Flávia, não vejo a hora ter meu cabelo natural outra vez!
      Então você é bem corajosa pra cortar o cabelo tão curto! Hahaha! O meu problema é que quero um cabelo natural e grande, então o processo fica mais longo! =]

      Excluir
  3. Adoro seus posts sobre cabelo. E admiro querer voltar ao natural!
    Nunca coloquei química no meu cabelo, exatamente porque acho que cabelos tem que ser naturais mesmo HEHEHE

    Um beijo
    www.ficaprocafe.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que gosta, Karla! =]
      Eu é que admiro você nunca ter feito química no cabelo! Continue assim, viu?

      Excluir
  4. Poxa, é muito bacana contar sua experiência com o cabelo.
    O importante é não desanimar mesmo.
    Cabelo bonito é cabelo natural! E com certeza ele fica com mais vida sem química. (:
    Espero que a transição termine o quanto antes e que ele fique do tamanho que você quer o quanto antes!
    Beijos! (:

    http://perolairregulaar.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada pelo incentivo, Pérola! E eu senti sua falta aqui no blog, viu?
      Gosto de contar minhas metas pra vocês porque assim fico mais animada! =]

      Excluir
  5. Eu já tive esse mesmo problema Glenda... Mas a minha sorte é que o meu cabelo cresce incrivelmente rapido.
    Em dois anos, no máximo, eu já estava com o cabelo completamente natural - e mil vezes melhor!
    Corta sim, eu fiz isso, tirei toda a parte da quimica e isso fez com que o meu cabelo ficasse muito mais bonito e ainda crescesse mais rápido.
    É um processo de transição mesmo, passa rápido e eu acho que vale super a pena!

    Beijos,
    www.miragemreal.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que conseguiu completar sua transição, Carol! Deve compensar mesmo, porque seu cabelo é lindo! =]
      E eu estou me decidindo mesmo a cortar a química ao final do ano. Sei que meu cabelo não vai estar tão grande quanto eu gostaria, mas né, o cabelo natural cresce mais rápido!

      Excluir
  6. Compreendo completamente, minha transição durou um ano, só agora tive coragem de cortar mesmo... Parabens!!

    ResponderExcluir
  7. Parabens.. vou começar a publicar e compartilhar dicas para as Encrespadas de plantão, pois toda ajuda faz diferença... união faz a força... meu blog http://meublogencrespa.blogspot.com.br/.. bjuusss

    ResponderExcluir

Sua opinião será sempre bem vinda *--*