segunda-feira, 28 de janeiro de 2013

Um sonho perigoso

O céu está tão lindo hoje. Tão azul escuro, tão cheio de estrelas... Perco a noção do tempo quando fico sonhando olhando pro céu. Tudo parece tão mais fácil, tão perto de se realizar...
Foi numa noite escura que te vi pela primeira vez. E foi num entardecer com direito a pôr do sol que conversamos pela primeira vez. E eu acho estranho como as coisas não mudaram em nada depois de uma semana – claro, não mudaram na minha mente.

É estranho pensar que consegui conversar por horas com alguém que eu não conhecia, justo eu que sou tão fechada com estranhos, por que será que eu agi assim?
Acho que simpatizamos muito fácil. De fato um sorriso aproxima as pessoas. Mas sabe, isso me preocupa.

Fico preocupada porque me apego muito fácil, e tenho medo do que eu possa estar sentindo. É complicado falar sobre isso, porque essa foi a única vez que eu baixei a minha guarda. Eu deixei você entrar na minha vida pra valer.
E o problema disso tudo é a nossa situação. Eu sei que você está sentindo a mesma coisa que eu. Mas o que podemos fazer? Eu não tenho a mínima ideia de quando vou te ver de novo. Isso me deixa aflita.
Parece que quando eu finalmente encontro um cara incrível, ele mora muito longe de mim.

E mesmo sabendo de todos esses riscos, eu não consigo parar de pensar em você. Eu sei que esse sonho é perigoso. E que essa esperança é traiçoeira. Mas, eu gosto disso.

Música de Inspiração: Treacherous – Taylor Swift

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sua opinião será sempre bem vinda *--*