sexta-feira, 25 de maio de 2012

Não diga sim! - Parte 5

Já era a hora do casamento. O tempo estava chuvoso. Assim como todas as noivas, Daniele se atrasou.
Carol chegou à igreja, mas João não a viu. Ela se escondeu entre as cortinas e observou o ambiente, viu a família da noiva e os amigos de João, que ela conhecia muito bem.
De repente, a orquestra começa a tocar a marcha nupcial,  e João se mostrava preocupado à frente do altar.
A noiva entrou na igreja, com um vestido enorme ela parecia uma rainha de concurso, ela desfilava pelo tapete vermelho e andava depressa rumo ao altar.
Carol olhou fixamente para o semblante de João e disse baixinho – eu sei que você queria que fosse eu!

Depois de algum tempo de cerimônia chega a hora mais esperada: o padre disse – “quem tem algo contra esse casamento, fale agora ou cale-se para sempre”.
Carol respirou fundo e, no meio do silêncio, ela saiu de trás das cortinas, pálida e trêmula e disse – eu!

Todos olharam surpreendidos para trás, Carol fixava seus olhos em João. Na verdade, ela nem sabia que argumentos devia usar, mas acabou falando o que lhe veio à mente:
-Esse casamento não pode acontecer. Eu sei, todos aqui sabem, que eu deveria estar aí, casando com o João. A nossa história vem de anos atrás, temos uma vida juntos. Daniele, por mais que você tente, você nunca vai conseguir me substituir, e você está colocando a sua felicidade em risco casando com um homem que não te ama. João, não diga ‘sim’, fuja comigo!
As pessoas ficaram horrorizadas na igreja. Daniele se sentou no degrau do altar, já esperava pelo fim do casamento. João pensou, respirou e disse:
-Carol, eu aceito fugir com você!

Todos ficaram surpresos, afinal, não é todo dia que vemos um noivo largando a sua noiva no altar. João pediu desculpas para Daniele e foi ao encontro de Carol, eles deram as mãos e saíram da igreja, no meio da chuva eles se beijaram! João disse:
-Carol, eu não acredito que você teve coragem de fazer isso por mim...
-Eu nem sei de onde arrumei coragem, mas por você eu faria qualquer coisa!
-Eu te amo!
-Eu nem preciso te dizer o quanto te amo!

Fim.
Músicas de Inspiração: Speak Now - Taylor Swift

2 comentários:

Sua opinião será sempre bem vinda *--*